Pesquisa personalizada

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Era uma vez no Mirc

Vá! Ria! Até parece que você não entrava, há uns 8 anos naquele programinha feioso para fazer novos amigos. Oi, quer tc? Mora onde? E daí surgiram amizades mil. Do Brasil todo, talvez. Quem sabe arrumou até uma paquerinha virtual. Mas a verdade é que sempre existem umas amizades que nunca passaram do virtual. E aí? Amizade virtual é verdadeira? É amizade de verdade? Dá pra contar os segredos do fim de semana pra aquele amiguinho pelo msn? E mandar foto? A gente manda mesmo! E não tem pai, nem mãe, nem gato, nem passarinho que digam que é perigoso e que não é pra confiar. Inventaram a internet pra quê? É pra fazer amizade mesmo! Se vai ser pra vida toda a gente não sabe, né? Mas é assim mesmo. Eu mesma já comecei uns 3 namoros pela net, e tenho um monte de amigos que só conheci muito tempo depois de falar via msn. E aí qual era o seu nick? Capaz da gente se conhecer... Já conversou com alguma {AnGiNhA}? Kkkkkkkk!


Texto para a Pauta do TDB da Capricho

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Como é que é?

Brasileiro é uma beleza mesmo. Tudo quanto é hospital público sem um mínimo de qualidade, gente em filas e mais filas pra ser atendido mesmo que esteja em trabalho de parto, criança assistindo aula quase no meio do rua( quando tem professor pra dar aula ), e a gente inventa de querer falar de maconha?! Putz, cara, que é isso? Mês passado a Califórnia e os Estados Unidos começaram algumas polêmicas relativas a máquinas de venda automática de maconha para uso medicinal. Querendo imitar alguns países como Canadá, Holanda e Suíça, que já liberaram a erva, outros lugares do mundo tentam mostrar-se desenvolvidos. Na Alemanha, onde apenas 79 pessoas têm permissão para usar maconha como analgésico ou relaxante, tal ação pode estar dando certo. O governo se guia pelo princípio da confiança de que os farmacêuticos apenas irão vender a Cannabis sob prescrição médica. Além disso, a droga não é liberada para fins recreativos. Quem pensa que vai para a Alemanha passear na rua e fumar uma maconhazinha de leve em frente à polícia, sem ser importunado, pode tirar o cavalinho da chuva. Agora, sejamos realistas, vamos nos comparar, por alguns instantes, a paises desenvolvidos. Brasileiro comprando maconha na farmácia? Nesse mesmo país que foi descrito no início do texto? Isso não é hora de querer se sobressair. Antes de qualquer coisa, precisam ser resolvidos problemas básicos. Nada de dar o passo maior que a perna, como somos acostumados. Estando bem estruturados, aí sim, quem sabe vamos estar preparados para uma decisão como liberar a maconha para fins medicinais. Mas isso já é outra estória...



Pauta para o Site da Capricho

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

As colaboradoras da capricho perguntam: Hillary ou Obama?

E eu respondo:

psiuuu, o voto é secreto =X








Pauta do trote das veteranas ;X~

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Santa Tartaruga!


Vai dizer que você não gostava de ouvir Michelangelo, o maior comedor de pizza da história, idolatrando sua própria raça dessa maneira?! Crianças ou não, meninos e meninas, todos que, na década de 90, eram grandinhos o suficiente pra assistir tv, não perdiam um episódio das Tartarugas Ninja! E tem mais: aposto que quem chegou a estudar o Reinascimento europeu e seus artístas, se lembrou de um modo bastante simples de decorar 4 dos manifestantes dessa época. Afinal, Donatello, Rafael, Michelangelo e Leonardo, nada mais são do que relações explícitas com grandes artistas renascentistas. Eu lembrei, e digo que até o nome do Mestre Splinter me ajudou com esse estudo (como, não me pergunte, que eu não lembro). Mas isso é só uma vantagem em assistir os Teenage Mutant Ninja Turtles (e como era bom balançar a cabeça, freneticamente, ao som do tema prícipal, repetindo esse nome!). Tooodas as garotas deveriam se imaginar como April, a jornalista que ajudava as tartarugas mutantes! Apesar de ter que ficar no esgoto, ela tinha 4 "homens", todos saradões só pra ela! Sinceramente, o novo filme dessa turma, se não pela diversão, será uma beleza pra aguçar a nossa nostalgia infantil :~ Amarrem suas bandanas na cabeça e peguem suas armas! As Tartarugas Ninja estão de volta! Santa Tartaruga!


Tópico para o trote do TDB da Capricho ¬¬

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Fui trocada por OUTRO?!

E agora?! Que reação uma garota tem que ter numa hora dessas? Sei lá, ninguém ensina pra gente o que fazer quando o príncipe encantado arruma um sapinho pra beijar! Calma, aí, como é que é o outro? É gatinho? Porque ser trocada por um ser peludo, com um vozeirão já é ruim! Se ele for barrigudo e vesgo a situação piora ao cubo! Mas e se o cara for um deus grego? Cá entre nós, um Alejandro Sanz falando no pé do ouvido deve ser uma boa pedida pra alguém que acabou de sair do armário. Pra mim, seria. Estão ouvindo, né, gays em potencial? Se forem sair do armário, ao menos arrumem coisa melhor e poupem suas namoradas de se sentirem mal por um mês. E sabe o quê mais? Qual o problema? Alô-ou, a gente está em 2008, e não 1950! Deixa os caras mergulharem na purpurina pro lado deles. Corre pro salão, fica gostosona e se joga na balada! Ser trocada por um menino ainda é bom, que nos poupa de imaginar o que ele tem a mais que a gente. É meio obvio. Só se liga pra não ficar com o “boy” do ex que aí já é loucura demais pra uma história só, né?

Pauta TDB - Capricho

sábado, 2 de fevereiro de 2008

Eles são antiéticos, têm vozes irritantes, e são AMARELOS o.O

Então por que diabos tem gente que gosta dos Simpsons?! O que tem de tão empolgante em assistir a uma família amarela e sem escrúpulos?! TUDO! Além de serem uma gracinha, essa família é a mais atualizada do mundo! Quem assiste, sabe do que eu estou falando. Os episódios contam com participações especiais de caricaturas de personalidades como Jack Bauer de 24Horas, Procurando Nemo, além de várias bandas como o Green Day, que apareceu no longa metragem dos Simpsons. É incrível a rapidez e a criatividade com que os roteiristas conseguem incluir personagens tão contemporâneos na série! Outro ponto que prova a “não-inutilidade” completa do programa foi posto em evidência com a estréia do livro Os Simpsons e a Filosofia, de William Irwin. O livro mostra as coincidências existentes entre os personagens e alguns filósofos, como Nietzsche e Aristóteles. Na verdade, vocês sabiam que o autor dessa turma conta com uma super equipe de filósofos para, através dos personagens, transmitir umas informações legais e temas polêmicos. Ah, e não tem como não rir com as besteiras de Homer Simpson! Putz, como eu amo aquele gordo >.< ! Enfim, pra quem gosta desses loucos, assistam todos os dias (e quase toda hora) na Fox e vejam o filme, é MUITO bom =X não tem como sair do cinema sem cantar “Porco-aranha, porco-aranha, aí vem o porco-aranha!” ahuahuahuah! Aí em cima, uns Simpsons Minicutados q eu fiz faz um tempinho ^^ _o/

p.s.: ah, não dá mais pra ver no cinema ¬¬ enfim, vcs entenderam, assistam em casa mesmo =X

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Merchandising =X

video

Uma propagandinha, de leve, não faz mal a ninguém... =X MiniCuties: não dá vontade de apertar? então aperta! Clique na imagem e visite o Site!

Se preparem...


Ontem, 1h da manhã, cá estava eu, nerdando na net, já me despedindo pra sair, qnd resolvo ler meu e-mail =X "Parabéns, seu blog foi selecionado para fazer parte do grupo de blogueiras da CAPRICHO" foi mais ou menos o que eu li logo que bati a cara no primeiro e-mail.... alguém entendeu o que eu disse? CA-PRI-CHO! Meu nome e minha cara correm um sério risco de aparecer mais de uma vez no ano na Revista Capricho!!!! alô-ouuu! Alguém me beliscaa? Isso é hora de ninguém dar uma notícia dessas??? 1h da manhã? quase q eu enlouqueço sem ter pra quem gritarrrr! Blogueiros e viciados na revista, se preparem: 2008 vai bombarrr no que depender de mim \o/



EUFORIA* >.<