Pesquisa personalizada

quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

"To do in 2009" list ...

1- Me obrigar a ser criativa
2- Treinar o japones, o inglês, o espanhol e o francês
3- Amar, como se não houvesse amanhã ;)
4- Make money ($)
5- Todo mês, fazer pelo menos 1 coisa que eu nunca tenha feito*


*(baseado em Phebe, de Friends)


e, 6°, cumprir tudo isso, né?
e vocês, o que vão fazer em 2009?

=**** Feliz ano novo _o/
xoxo


Capricho: o que você promete fazer em 2009?

domingo, 16 de novembro de 2008

Contagem regressiva

"Então é natal... e o que você fez...?"... Chega o fim de ano e tá todo mundo refletindo no que fez nesses 12 meses: se realizou aquele sonho, se passou de ano no colégio, se entrou naquele curso. Mas, posso ser sincera? O que você fez, tá feito, querida. A pergunta certa é: o que ainda dá pra fazer? Ainda tem um tempinho, faça alguma coisa legal! Por exemplo, ainda dá tempo de se preparar pro verão. É isso aí! Todo mundo de férias por aí, e você na frente do pc, enquanto podia estar na academia ficando saradona! Pelo menos uma caminhada na praia, né? Aposto que as fotos das férias vão ficar bem mais felizes se seguir meu conselho. Além do mais, você cuida um pouquinho da saúde. Levantamento de colher e corrida de digitação não conta. É hora de pegar aquele tênis que está encostado, pôr um shortinho e suar um pouquinho. Vale a pena, pra ficar gatinha. Só o que sei é que eu vou ficar. Se você prefere ficar no sofá, tudo bem, não se preocupe. Eu já tenho namorado mesmo.

Capricho: O ano está acabando mas ainda dá tempo de....

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Olhar 43

Saiu uma pesquisa dizendo que os caras ficam caidinhos quando a gente está de vermelho. Parece que, apesar de eles não perceberem, a cor os atrai psicológica e fisicamente. Então, vamos aproveitar o ano novo, e mudar o guarda-roupa! Não? Não, não... Na minha opnião, cada uma tem que investir no que achar que lhe cai melhor. Pernocas de fora, um papinho Cult, um penteado diferente... Afinal de contas, se a gente já sabe as ferramentas certas pra conquistar, qual a graça? O bom mesmo é jogar aquele olhar 43, dar uma de “não tou nem aí” e ver no que dá. Se a sua jogada não der certo? Bom... não custa nada ter um vestido vermelho.

Capricho: o que você usa quando quer conquistar alguém?

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Em 2009 eu vou...

Fim de ano chegando e a gente começa com aquela velha listinha... Coisas para fazer, coisas para não fazer, coisas que vou aprender, pessoas com quem vou fazer as pazes, amigo que nunca mais vou falar... Ah, vai, quem não faz? Eu mesma faço _o/ Nem que seja na primeira página da agendinha do ano que ta chegando. Agora vamos ser sinceros: se a gente cumprisse mesmo, não precisava de listinha pra lembrar, né? A gente promete, promete, mas não tem jeito. O ano vai passando, a cabeça vai mudando, e as promessas ficam pra trás. Um conselho? Pule ondinha, coma romã e guarde os caroços na carteira, e dê bem muito abraço quando o ano virar. No mínimo, você se sente mais feliz, e sortudo. E o ano que tá chegando? Ah, esse fica nas mãos de quem ta lá em cima.

Promessa de ano novo cola?

domingo, 19 de outubro de 2008

Criatividade Sazonal

Tem gente que faz tudo na hora que pedem: cumpre prazos direitinho, faz tudo com paciência e calma. Outros, deixam tuuuudo pra última hora: ahh, ainda tem muito tempo! Eu? Depende do meu humor. Sou do tipo que acorda às 3h da manhã com uma idéia prontinha na cabeça, levanto, e vou botar em prática na hora, antes que a inspiração passe. Mas também, não tem papa que me faça cumprir qualquer coisa no mesmo instante. Até que eu posso fazer. Mas não tão bem quanto faria num dos surtos de criatividade. Já cheguei a fazer um site inteiro em um dia. Em compensação, deixei outro nos 80%, pra continuar no outro dia, e nunca terminei. Bem que podiam criar um controle remoto pra dar ânimo. Minha mãe e meu quarto agradeceriam.

Capricho: Eu deixo tuuuuuuuuudo para depois!

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Perdão tem limite?

Hm... aí depende... Se tem limite em que sentido? Se é pra gente sair perdoando todo mundo por aí? Ou se a gente perdoa de fato? Ta certo que errar é humano, mas quem comete o mesmo erro 30 vezes já é extraterrestre. Na teoria, pra mim, alguns erros são perdoáveis, sim. Outros, nem tanto. E também depende do “errante”: ele costuma dar mancadas assim o tempo todo? Ele estava consciente quando errou? Você considera muito essa pessoa? Eu digo na teoria, porque na prática mesmo, eu, como uma boa pisciana emotiva que sou, perdôo tudo que é gato, cachorro e passarinho. Até mesmo aquele namorado idiota que trai você 3 vezes, conta pra todo mundo, e ainda quer sair por cima. Na verdade, na verdade, a gente só deixa de perdoar quando cansa. Mas também, quando cansa, não tem pote de ouro que compre o perdão. Revoltas à parte, se lhe baterem na face, ofereça a outra. Mas não antes de estar certo que a consciência do outro doeu. Ou qualquer outra parte do corpo dele.
Capricho: Perdão tem limite?

domingo, 21 de setembro de 2008

Shakira, Estoy aki!


Depois de visitar fãs de tudo quanto é lugar, eu sou a favor da vinda de Shakira à Recife! Se for à Olinda, melhor ainda. Mas é claro: eu aqui cheia de amor pra dar, com todas as músicas na ponta da língua e aquela coisinha linda perdendo essa chance? Abaixo às turnês pela Europa! Tá na hora da Brazilian’s Tour começar! Ah, eu quero ver qual é o cantor que se arrepende de fazer show pra meus olindensezinhos lindos e cheios de arte em suas veias. É, babo mesmo! E ainda mais se o tal cantor tiver a voz e as músicas mais lindas do mundo... Ai, ai, eu faria de tudo pra ir num show de Shakira aqui em Recife. Acreditem, my hips lips don’t lie. :X


Capricho: Qual é a sua causa?




quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Capricho: Internet prejudica namoro?

Isso foi uma pergunta retórica? Ah ta, pensei que fosse. Porque a resposta é óbvia: sim! Eu digo isso como conhecedora e ex-usuária de todas as formas possíveis e imagináveis para se vigiar um namorado. Que formas? Ah, meu bem, são muitas! Já ouviu falar no Orkurioso? Pois é, nele você pode ver todos scraps do seu namoradinho. Mesmo que ele tenha apagado. E que tal colocar o perfil daquela “amiga” como página inicial do seu navegador pra não esquecer de fazer o check-up? Pois é, formas são muitas. Mas, escute meu conselho: nunca, jamais, em hipótese alguma, vasculhe a vida do seu boy na net, atrás de problema. Você vai achar. Mesmo que ele não exista, e não esteja nem perto de existir. A internet tem algum tipo de máscara, que transforma tudo em casinhos e afins. Sabe aquela história? O que os olhos não vêem o coração não sente? Não, eu não concordo com ela. Mas às vezes, os olhos procuram tanto, que a mente encontra... ou inventa. E o coração sente. Se sente.

domingo, 7 de setembro de 2008

Downloading

Oi, meu nome é Gaby, e eu sou viciada em séries. Estou há 4 dias sem baixar um capítulo, e nem aguento mais esperar o próximo. Também, como qualquer pessoa da minha idade sou viciada em ouvir mp3. Só essa semana, fiz download de pelo menos 4 cds completos. Se tudo isso é pirataria? Claro que não. Até parece que alguém vai abrir algum tipo de cinema e cobrar entrada pra assistir Gossip Girl em ".rmvb"! Quem nunca baixou qualquer dessas maravilhas da tecnologia que atire a primeira pedra. E tem mais: hoje, os próprios canais onde passam alguns seriados colocam os episódios no site pra quem quiser assistir, uma semana depois de ser veiculado na tv. Se até o Universal Channel me deixa livre pra "piratear", quem vai me impedir? Eu baixo mesmo. E sem o menor peso na consciência. Como diz o poeta: o que é bonito é pra se baixar. :X

Capricho: Baixar filmes, seriados e músicas pela internet deve ser proibido?

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

100 anos de prisão

Furar o olho do amigo é crime, sim senhor. Fure se você quiser, mas saiba que você terá como penitência no mínimo 1 ano de exílio da amizade. Mas é claro. Onde já se viu? Você lá, despreocupada ficando com o boyzinho... Daí apresenta ele a amiga, sem jamais imaginar que ela poderia pensar em lhe trair assim, enquanto a própria pensa em como fazê-lo sem você saber. Não é porque o cara ainda não é seu namorado que ele não é seu. Tá. Ele não é seu. Mas também não é festa, né? A própria amiga? Com tanto homem no mundo. E namorado, nem se fala né? Aí, se prepare para um exílio muito maior. Talvez perpétuo. Desculpe se você é uma fura-olho, acho ótimo. Mas imagine só: se pra você isso é tão normal, melhor ter cuidado com o olho grande da vizinha.


Capricho: Furar olho do amigo é crime?

domingo, 17 de agosto de 2008

Eu fuço o orkut alheio!

E fuço mesmo! Atire a primeira pedra quem nunca entrou “sem querer” no orkut de alguém e acabou vendo as 173 fotos do seu álbum, a primeira página do scrapbook e a lista de depoimentos (no mínimo). Fuçar Orkut é igual a assistir Tv. A gente procura as roupas da moda no perfil daquela amiga mais fashion, vê um pouquinho de comédia no do ex que agora tá gordo e encalhado, fica por dentro das fofocas no das amigas (e as nem tão amigas, também). Só tem um perfil que, cá entre nós, não deveria ser visto por nós: o do namorado. É isso mesmo. O ministério da saúde adverte: futucar no perfil de namorado trás dores de cabeça e ciúmes doentio. Fora isso o Orkut ta liberado! Ajoelhou, tem que rezar. Até parece que quem se cadastra no site de relacionamento mais visto pelos brasileiros não quer expor a vida nem um pouquinho. Agora pra quem acha que isso é tudo falta do que fazer... concordo em gênero, número e grau! Eu que não troco a balada, as amigas ou o namorado por uma tela de computador que só faz meu grau do óculos aumentar. Isso é só pra passar o tempo quando não tem nada marcado. Fuço. Mas fuço com moderação. ;)


Capricho: Eu fuço o orkut alheio!


quarta-feira, 6 de agosto de 2008

O amor é cego.

Não, meu bem. Você é quem é. Ou fica, quando bate aquela insanidade no coração a qual os cafagestes sabem manter tão bem. Eu já tive uma dessas. E um desses também, cafagestes. Se você quer saber o que é amor obsessivo, eu fui a definição perfeita. Com ele, passei perdi mais de 2 anos da minha vida. Por ele perdi dezenas de viagens e centenas de lágrimas. Fora os alguns tantos de amigos. Sem ele? Não fazia, nem era nada. Nosso “amor” durou 2 anos e alguma coisa. Em leves prestações de 6 meses, período em que ele acabava comigo, para diversificar o paladar. Período esse, em que voltava, sofredor e arrependido, com mil juras de amor. Agora você me pergunta: ao menos ele lembrava o Reinaldo Gianecchini? Bom...Só se Reinaldo for um gigante 2x2 (2 metros de altura e mais 2 de pança), grosso e pilantra. Pois é, o amor às vezes te deixa cega, surda e burra. Mas não se preocupe, pela minha experiência, a cegueira passa. Demora. Mas passa.


Capricho: Eu já vivi um amor obsessivo!

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Bunda-lê-lê?

Adolescentes fazem sexo: fato. Adolescentes são impulsivos: fato. Problema? Filhos de jovens pelo mundo e DSTs espalhadas por aí. Causa? Jovens têm vergonha/ “não têm” tempo (arranjam desculpa) para comprar camisinhas. Algumas escolas estão tentando resolver essa situação implantando máquinas de camisinhas nos corredores entre as salas de aula. Minha opinião? Tão mais que certos. No entanto, junto a isso, deveriam desenvolver aulas de educação sexual e coisas do tipo. Quem pensa que só porque vai ter camisinha bem ali na escola do filhinho, agora os adolescentes vão sair fazendo sexo loucamente, está errado. Eles já fazem. E não é o papai nem ninguém que vai impedir. As máquinas de camisinha estão lá pra que ele não ganhe um netinho. Resta à mamãe e ao paizão terem papos-cabeça de vez em quando com o filho “rebelde”. E rezar pra que ele escute.

Capricho: Máquinas de Camisinha nas escolas?

terça-feira, 8 de julho de 2008

Lei Seca é o que interessa! O resto não tem pressa!

Se beber é legal? Meu Deus, como não é legal! Desde que me entendo por gente, tenho um ódio explosivo por toda e qualquer coisa que contenha álcool. Se você acha que uma bebida que te faz agir feito idiota, feder, falar besteira e destrói seu fígado, uma coisa legal, beleza, eu aceito sua opinião. Agora, particularmente, se eu fosse dona do mundo por um dia, eu explodia todas as coisas que até lembrem o cheiro do álcool. Jogaria tudo no espaço sideral, e o mundo seria sóbrio e feliz para sempre. Que sonho. Enquanto não ganho poderes cósmicos e fenomenais, me contento em ver pessoas sendo multadas por comerem bombons de chocolate com licor.


Capricho: Beber é legal?


domingo, 29 de junho de 2008

Teletransporte

Imagina só, entrar naquela maquininha tipo elevador, que nem nos filmes de Guerra nas Estrelas e afins, apertar um botãozinho, e ir parar onde quisesse! Simples assim. Num Instante! Sem trânsito, sem enjôo, sem lotação... Ou quem sabe entrar numa das lareiras encantadas de Harry Potter, mentalizar com força o lugar que se quer ir, e num “plim” chegar “do outro lado” da lareira? Podiam inventar também um jeito de a gente ser igual àquele carinha do filme Jumper. É só olhar pra a foto, se concentrar... e.... tcharam! Chegar naquele lugar! Eu compraria milhões de mapas e livros de história, só pra ficar me teletransportando pra lá e pra cá... Pois é, levando em conta que eu não posso me locomover de jeito nenhum (a não ser a pé), sem ter ânsias de vômito (é, nojento assim. Mesmo.)...Não seria nada mau experimentar uma tecnologia dessas.


Capricho: "Que invenção tecnológica ainda faz falta à sua vida?"

quinta-feira, 26 de junho de 2008

E no final, a gente fica mesmo é com o mocinho

Já tive a infelicidade de cair nessa do bad boy... Desses que falam palavrão, brigam, botam gaia, depois "se arrependem", confessam, e você, burra e cega de amor, acha que tá tudo bem. Para minha infelicidade, perdi 2 anos e alguma coisa com esse tipo de gente... Minha opnião? Nos filmes, o cara do mal, conquistador, com ar de “você me quer, e eu sei disso”, sempre chama mais atenção... Agora, pega um pra você ver! Agora, agüenta ele mais de 2 anos, se você consegue! Os bonzinhos não têm esse nome em vão, sabe? Eles são realmente... bons! Encontrei uma coisinha linda, boazinha, cuidadosa e que só me faz rir há 3 anos e meio atrás, e tou bastante satisfeita com ele. Tá interessada no cafageste da sua sala? Fica com ele, mas depois dá um pé na bunda. Ele já estará acostumado, acredite. Os bonzinhos tão por aí, só lhe esperando.


Capricho: Cafagestes ou Bonzinhos?

terça-feira, 3 de junho de 2008

Pega-besta

Dia 12 chegando e os casaizinhos todos enlouquecendo pelos shoppings e lojas de presente atrás de um agrado pro dia especial. Pode procurar que eu lhe dou um prêmio se você contar mais de 5 lojas em cada shopping sem baboseira promoção de dia dos namorados. É isso mesmo, queridinha, o dia dos namorados é só uma coisinha que eles (ou nós, se você levar em conta que sou aspirante à publicitária) inventaram para você gastar dinheiro. Ou você acha que no dia 12 de junho de 200 anos atrás, um cupido apareceu para 12 casais e disse: “darás presentes ao seu par, pelo resto de suas vidas, nesse dia, amém”? Pois é. E sabe o que eu acho? Ô baboseirinha boa, viu?! Eu que não vou deixar meu namorado esquecer do presentinho que eu pedi. Dia dos namorados, sim! Presentinho, sim! Gastar dinheiro, sim! E tomara que ele nunca leia isso.


Pauta para a Capricho: Eu odeio dia dos namorados!

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Terra do Nunca

Brincar de pega, esconde-esconde, Gato-mia....Jogar Mário e Bomberman no Super Nintendo.... Cantar “Power Rangers têm a força” até enjoar.... Ouvir Mamonas Assassinas com a mais boba inocência.... Montar cidades de Lego, ler historinhas da Mônica e do Chico Bento....Assistir Sailor Moon, Cavaleiros do Zodíaco, Disney! Como escolher uma memória no meio de tantas e tão felizes? Pensei bastante pra escolher qual minha maior nostalgia de infância, mas tudo o que seria lindo mesmo ter de volta, seria a própria. Tudo quanto é coisa velha podia voltar. E sabe o quê mais? Eu provavelmente não acharia a menor graça. O tempo passou, ué. Queria mesmo é ser criança pra sempre. Viver na Terra de Peter Pan, brincar de ser Wendy e matar o Capitão Gancho. Adulto chato e bacalhau. Por culpa dele, eu cresci.

Pauta para a Capricho: o quê (ou quem) você gostaria que ressurgisse como uma fênix?

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Will you marry me?

Na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, até que a morte os separe, Amém. Quantas das jovens desse século ainda desejam ouvir isso? As adolescentes ainda sonham com o dia em que irão trocar alianças com o príncipe encantado? Ou no futuro todo mundo só vai “morar junto”, mesmo? Com a banalização do “ficar” e afins, cada vez menos garotas acreditam e desejam relacionamentos sérios. Além disso, com a emancipação feminina, algumas mulheres resolveram que ser independentes, ter carreiras e viajar são prioridades muito mais importantes que o casamento. Ah, por mais careta que isto pareça, eu acredito sim, em alma gêmea e em “felizes para sempre”. Acho mesmo, que depois que você encontra o príncipe encantado (e sim, você encontra), vocês trocam aquele beijinho do amor eterno, moram juntos, têm muitos filhinhos e ficam juntos pra todo o sempre. Não que eu queira ser uma dona-de-casa dependente do marido. Longe disso. Antes de me vestir de branco, ainda vou trabalhar e estudar muito. E me divertir também, que ninguém é de ferro. Meu príncipe? Ele que me espere, o dele ta guardado.

domingo, 4 de maio de 2008

$$$

Escrever, para alguns, é algo que vem única e exclusivamente de momento. É claro que quando você tá com aquela dor de cotovelo e surge a oportunidade de escrever sobre mais uma história de verão, tudo pode ficar mais fácil. Para mim, além do feeling, nada melhor que uma boa fonte de informações sobre o tema e de bons incentivo$ :X Postar sobre o amor das férias, depois de ter ficado com aquele gatinho e ainda ganhar uma graninha para curtir o resto da folga não seria nada mau, hem? Tudo bem que estar no TDB já é um senhor de um estímulo, mas imagina ter sua própria coluna na Capricho, e de quebra, com uma gratificaçãozinha todo fim de mês. Se eu postaria por dinheiro? É obvio que sim. Quem trabalha de graça é o relógio, meu bem.

Pauta para a Capricho: Você postaria por dinheiro?

quinta-feira, 1 de maio de 2008

Mamãe querida!

Tem gente que tem mãe-melhor amiga, mãe de comercial de margarina, mãe trabalhadora... a minha faz mais o tipo "teen" :D Sabe o que é poder vestir as roupas da mãe? Ter o mesmo manequin? O mesmo número de sapato? E ainda por cima o mesmo gosto?! Pois é, minha mãe é dessas que todo ano faz "des-aniversário" ou então tem sempre 25 aninhos. Mas nessa historinha de "eu estou na moda e sou jovem" ela me obriga a ouvir Julio Iglesias nas alturas em vez de ouvir minha Shakira linda e adorada. Gosto musical à parte, essa mãe-personagem-de-novela é a única que eu tenho, e eu a amo e admiro muito.

domingo, 20 de abril de 2008

Tá dominado! Tá tudo dominado!

Alguma dúvida que nós, mulheres, dominamos o sistema há muito tempo?
Guerra dos Sexos é coisa do passando e que nem sequer Vale a Pena Ver de Novo!
Nós já queimamos sutiã, já conquistamos o mercado de trabalho, já viramos presidente e até já sabemos trocar o pneu do carro e instalar o Dvd! O sexo frágil aprendeu a se virar sozinho, e os homens que se cuidem pra nos alcançar. Sexo frágil, sim. Não é porque já estamos bem crescidinhas que vamos perder o quê de princesa indefesa quando queremos, né? Mulher que se garante tem que saber dominar na hora certa e se fazer de frágil também, pra ganhar um agradinho do namorado. Enfim, tá tudo dominado. Só nos resta descobrir um modo de fazer os homens engravidarem e terem cólicas menstruais. Daí em diante, é só sucesso.


Pauta para a revista Capricho (As mulheres vão dominar o mundo?)

sexta-feira, 21 de março de 2008

Publicitária _o/ (L)

Publicitário não come, degusta o produto.
Publicitário não cheira, sente a fragrância.
Publicitário não toca, examina o design.
Publicitário não dá a resposta, cria outra pergunta.
Publicitário não conquista, persuade.
Publicitário não tem destino, tem target.
Publicitário não ouve barulho, ouve ruído.
Publicitário não fala, envia mensagem verbal.
Publicitário não procura endereço, procura praça.
Publicitário não escuta, decodifica a mensagem.
Publicitário não tem idéia, tem brain storm.
Publicitário não recebe resposta, recebe feedback.
Publicitário não tem memória, tem repertório.
Publicitário não lê, decifra o código textual.
Publicitário não pergunta, faz pesquisa.
Publicitário não ouve música, ouve trilha sonora.
Publicitário não tem lista, tem mailing.
Publicitário não copia, se inspira.
Publicitário não vê outdoor, vê mídia exterior.
Publicitário não dirige, faz test-drive.
Publicitário não falece, apenas seu ciclo de vida chegou ao fim.
(Farion)

terça-feira, 18 de março de 2008

Papai do céu.....

Deus, por Gabriela Barros: Onisciente, onipresente e onipotente. Criador de tudo que há de lindo no universo. Mão que protege. Não a que aponta ou castiga. O pecado é algo que os homens inventaram. E depois inventaram que foi Deus quem inventou.

Sou desses que se dizem católicos só para agradar a família. No entanto acredito em diversas explicações dadas pelas mais variadas religiões em relação a Deus. Afinal, se há uma definição mais próxima do real para Deus é a fé( que é a razão de ser de todas as religiões). Crer em Deus é ter fé que há algo maior. Acreditar que cada serzinho, por menor que seja, existe por uma razão. Deus é, antes de tudo, bondade. Nunca consegui entender e acreditar no Deus que tantas religiões dizem ter o poder de castigar. Muito menos temê-lo.

Comigo ele está todos os dias. Assim como também está com todos os outros, para ajudar, acalmar, e guiar. A ele, peço sempre que preciso, ou quando sei que outro está precisando; agradeço sempre que sinto-me realizada. Peço desculpas, quando vejo que cometi um erro. Sempre sabendo, que se for de coração, serei perdoada. A ele peço sonhos felizes. E que mande seus anjos para me proteger toda noite.

quinta-feira, 6 de março de 2008

Súúú-ces-so!!


Luuuuz, na passarela que lá vêm elaaa! A nova loira do tchan! É.... é..... quem foi a nova loira do Tchan mesmo? Quem lembrar o nome da homenageada com essa música, levanta a mão e pode falar! É quase sempre assim: a galera pensa que é só aparecer na Tv, que já está com o futuro feito. Mas passam-se 3 meses e a gente fica naquela do “famoso quem”. Vale tudo pra ter esses 15minutinhos de fama? Reallity Shows estão aí pra dizer que qualquer um, desde verdureiro até miss Brasil, pode ter fama em pouco tempo. E também estão aí pra provar que essa mesma se vai num piscar de olhos. Você quer fama? Bota um abacaxi na cabeça e diz que é Carmem Miranda. Você quer ter sucesso? Ah... aí são outros 500.... Sucesso a gente alcança por mérito, por destaque, por esforço. E é aos poucos. Pensa que Bill Gates acordou um dia, criou uma tal de Microsoft e depois assinou um atestado de fama eterna? Acha que Silvio Santos sempre teve aquele “microfonezinho” na lapela? Ah... vai sonhando, vai. Fama é pra qualquer um. Se você quer, bom pra você, que num piscar de olhos consegue. Eu? Eu quero é sucesso.

Texto para o TDB da Capricho (Vale tudo para ter um pouco (ou alguma) fama?

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Era uma vez no Mirc

Vá! Ria! Até parece que você não entrava, há uns 8 anos naquele programinha feioso para fazer novos amigos. Oi, quer tc? Mora onde? E daí surgiram amizades mil. Do Brasil todo, talvez. Quem sabe arrumou até uma paquerinha virtual. Mas a verdade é que sempre existem umas amizades que nunca passaram do virtual. E aí? Amizade virtual é verdadeira? É amizade de verdade? Dá pra contar os segredos do fim de semana pra aquele amiguinho pelo msn? E mandar foto? A gente manda mesmo! E não tem pai, nem mãe, nem gato, nem passarinho que digam que é perigoso e que não é pra confiar. Inventaram a internet pra quê? É pra fazer amizade mesmo! Se vai ser pra vida toda a gente não sabe, né? Mas é assim mesmo. Eu mesma já comecei uns 3 namoros pela net, e tenho um monte de amigos que só conheci muito tempo depois de falar via msn. E aí qual era o seu nick? Capaz da gente se conhecer... Já conversou com alguma {AnGiNhA}? Kkkkkkkk!


Texto para a Pauta do TDB da Capricho

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Como é que é?

Brasileiro é uma beleza mesmo. Tudo quanto é hospital público sem um mínimo de qualidade, gente em filas e mais filas pra ser atendido mesmo que esteja em trabalho de parto, criança assistindo aula quase no meio do rua( quando tem professor pra dar aula ), e a gente inventa de querer falar de maconha?! Putz, cara, que é isso? Mês passado a Califórnia e os Estados Unidos começaram algumas polêmicas relativas a máquinas de venda automática de maconha para uso medicinal. Querendo imitar alguns países como Canadá, Holanda e Suíça, que já liberaram a erva, outros lugares do mundo tentam mostrar-se desenvolvidos. Na Alemanha, onde apenas 79 pessoas têm permissão para usar maconha como analgésico ou relaxante, tal ação pode estar dando certo. O governo se guia pelo princípio da confiança de que os farmacêuticos apenas irão vender a Cannabis sob prescrição médica. Além disso, a droga não é liberada para fins recreativos. Quem pensa que vai para a Alemanha passear na rua e fumar uma maconhazinha de leve em frente à polícia, sem ser importunado, pode tirar o cavalinho da chuva. Agora, sejamos realistas, vamos nos comparar, por alguns instantes, a paises desenvolvidos. Brasileiro comprando maconha na farmácia? Nesse mesmo país que foi descrito no início do texto? Isso não é hora de querer se sobressair. Antes de qualquer coisa, precisam ser resolvidos problemas básicos. Nada de dar o passo maior que a perna, como somos acostumados. Estando bem estruturados, aí sim, quem sabe vamos estar preparados para uma decisão como liberar a maconha para fins medicinais. Mas isso já é outra estória...



Pauta para o Site da Capricho

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

As colaboradoras da capricho perguntam: Hillary ou Obama?

E eu respondo:

psiuuu, o voto é secreto =X








Pauta do trote das veteranas ;X~

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Santa Tartaruga!


Vai dizer que você não gostava de ouvir Michelangelo, o maior comedor de pizza da história, idolatrando sua própria raça dessa maneira?! Crianças ou não, meninos e meninas, todos que, na década de 90, eram grandinhos o suficiente pra assistir tv, não perdiam um episódio das Tartarugas Ninja! E tem mais: aposto que quem chegou a estudar o Reinascimento europeu e seus artístas, se lembrou de um modo bastante simples de decorar 4 dos manifestantes dessa época. Afinal, Donatello, Rafael, Michelangelo e Leonardo, nada mais são do que relações explícitas com grandes artistas renascentistas. Eu lembrei, e digo que até o nome do Mestre Splinter me ajudou com esse estudo (como, não me pergunte, que eu não lembro). Mas isso é só uma vantagem em assistir os Teenage Mutant Ninja Turtles (e como era bom balançar a cabeça, freneticamente, ao som do tema prícipal, repetindo esse nome!). Tooodas as garotas deveriam se imaginar como April, a jornalista que ajudava as tartarugas mutantes! Apesar de ter que ficar no esgoto, ela tinha 4 "homens", todos saradões só pra ela! Sinceramente, o novo filme dessa turma, se não pela diversão, será uma beleza pra aguçar a nossa nostalgia infantil :~ Amarrem suas bandanas na cabeça e peguem suas armas! As Tartarugas Ninja estão de volta! Santa Tartaruga!


Tópico para o trote do TDB da Capricho ¬¬

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Fui trocada por OUTRO?!

E agora?! Que reação uma garota tem que ter numa hora dessas? Sei lá, ninguém ensina pra gente o que fazer quando o príncipe encantado arruma um sapinho pra beijar! Calma, aí, como é que é o outro? É gatinho? Porque ser trocada por um ser peludo, com um vozeirão já é ruim! Se ele for barrigudo e vesgo a situação piora ao cubo! Mas e se o cara for um deus grego? Cá entre nós, um Alejandro Sanz falando no pé do ouvido deve ser uma boa pedida pra alguém que acabou de sair do armário. Pra mim, seria. Estão ouvindo, né, gays em potencial? Se forem sair do armário, ao menos arrumem coisa melhor e poupem suas namoradas de se sentirem mal por um mês. E sabe o quê mais? Qual o problema? Alô-ou, a gente está em 2008, e não 1950! Deixa os caras mergulharem na purpurina pro lado deles. Corre pro salão, fica gostosona e se joga na balada! Ser trocada por um menino ainda é bom, que nos poupa de imaginar o que ele tem a mais que a gente. É meio obvio. Só se liga pra não ficar com o “boy” do ex que aí já é loucura demais pra uma história só, né?

Pauta TDB - Capricho

sábado, 2 de fevereiro de 2008

Eles são antiéticos, têm vozes irritantes, e são AMARELOS o.O

Então por que diabos tem gente que gosta dos Simpsons?! O que tem de tão empolgante em assistir a uma família amarela e sem escrúpulos?! TUDO! Além de serem uma gracinha, essa família é a mais atualizada do mundo! Quem assiste, sabe do que eu estou falando. Os episódios contam com participações especiais de caricaturas de personalidades como Jack Bauer de 24Horas, Procurando Nemo, além de várias bandas como o Green Day, que apareceu no longa metragem dos Simpsons. É incrível a rapidez e a criatividade com que os roteiristas conseguem incluir personagens tão contemporâneos na série! Outro ponto que prova a “não-inutilidade” completa do programa foi posto em evidência com a estréia do livro Os Simpsons e a Filosofia, de William Irwin. O livro mostra as coincidências existentes entre os personagens e alguns filósofos, como Nietzsche e Aristóteles. Na verdade, vocês sabiam que o autor dessa turma conta com uma super equipe de filósofos para, através dos personagens, transmitir umas informações legais e temas polêmicos. Ah, e não tem como não rir com as besteiras de Homer Simpson! Putz, como eu amo aquele gordo >.< ! Enfim, pra quem gosta desses loucos, assistam todos os dias (e quase toda hora) na Fox e vejam o filme, é MUITO bom =X não tem como sair do cinema sem cantar “Porco-aranha, porco-aranha, aí vem o porco-aranha!” ahuahuahuah! Aí em cima, uns Simpsons Minicutados q eu fiz faz um tempinho ^^ _o/

p.s.: ah, não dá mais pra ver no cinema ¬¬ enfim, vcs entenderam, assistam em casa mesmo =X

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Merchandising =X

video

Uma propagandinha, de leve, não faz mal a ninguém... =X MiniCuties: não dá vontade de apertar? então aperta! Clique na imagem e visite o Site!

Se preparem...


Ontem, 1h da manhã, cá estava eu, nerdando na net, já me despedindo pra sair, qnd resolvo ler meu e-mail =X "Parabéns, seu blog foi selecionado para fazer parte do grupo de blogueiras da CAPRICHO" foi mais ou menos o que eu li logo que bati a cara no primeiro e-mail.... alguém entendeu o que eu disse? CA-PRI-CHO! Meu nome e minha cara correm um sério risco de aparecer mais de uma vez no ano na Revista Capricho!!!! alô-ouuu! Alguém me beliscaa? Isso é hora de ninguém dar uma notícia dessas??? 1h da manhã? quase q eu enlouqueço sem ter pra quem gritarrrr! Blogueiros e viciados na revista, se preparem: 2008 vai bombarrr no que depender de mim \o/



EUFORIA* >.<

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Livro dos recordes!

Era uma vez uma garotinha... um dia ela estava no colégio, na fila da cantina para comprar seu lanche, destraida... quando, de repente, um portão cai em seu pé! isso mesmo, um portão, grande e pesado! um garoto burro pensou q seria legal escalá-lo e caiu (junto com o portão) sobreo pé da garota... e aí se passam dias de pé no gesso... esse é o começo da história de gessos e enfaixamentos de membros de Gaby Barros ¬¬ algum tempo depois, já recuperada, gaby está abrindo o portão de sua casa para a mãe sair com o carro e, brilantemente, esquece o dedo preso entre o portão e a parede =D adivinha?? gesso dnv \o/ mais um tempo se passa... gáby está em sua aula de Tae Fit... no meio da aula o professor ensina um novo golpe.. tipo aqueles de Street Fighter, que vc pula, levanta uma perna, e, ainda no ar, da um chute com a outra...Gabriela, jeitosa como sempre, tira o 1º pé do chão e consegue, surpreendentemente, torcer o outro nesse exato momento, caindo e indo para o hospital, para botar um gesso de leve... no dia em que tira esse gesso, Gabriela, já andando normalmente, sobe as escadas para pegar as sandálias e sair com a mãe... no corredor, sem absolutamente nada em quê tropeçar ou escorregar, Gabriela vira mais uma vez seu pezinho, e.. adivinha?? imoblizar o pé MAIS UMA VEZ!¬¬ tempos passaram e a garotinha está saindo do carro. ao fechar a porta... pois é, nem precisa dizer né? esquece, mais uma vez, de seu dedo, q fica lá mesmo, entre a porta e a borracha do carro... gesso dnv \o/ ano passado gabriela estava saindo da faculdade, esperando seu ônibus passar... lá vem ele e gaby pede parada... com o ônibus em sua frente, ela levanta o pé pra ir em sua direção e.... TORCE!! vai pro hospital e é diagnosticada como uma simples torção, sem motivo nenhum ¬¬ já q não tinha nada em quê tropeçar e ela estava de sandálias havaiana. uma semana depois, ao tirar o gesso e encarar seu pé, inxado como uma melancia e roxo como uma beringela, o médico diz q estava enganado e que Gabriela ROMPEU UM LIGAMENTO DO PÉ!!! ¬¬ pois é.. 2 meses com o pé no gesso, dee cama e com o perigo de ter q fazer uma cirurgia... graças a deus, 2 meses de gesso e algumas sessões de hidroterapia depois, gaby anda normalmente.... exceto pelo fato de ela andar... como se diz aqui "de 10 pras 2"...(com os pés pra fora, acho q isso é ser zambeta...)..mas isso é outra hisória... Bom e agora eu tou aqui escrevendo com uma mão só... sabe pq?? segunda passada prendi meu dedo na porta do carro DE NOVO!!! Pois é, tou aqui com dedo enfaicado pra variar.. e acho melhor parar de teclar antes q eu tenha outra crise de tendinite como eu tive no ano passado e tive q engessar o braço por uma semana xD~
que é q vcs acham? será q não existe um prêmio para a pessoa q mais se machucou por motivos idiotas??! Se vc souber se algum, me diz como faz para se inscrever ;)

=*************

sábado, 19 de janeiro de 2008

Desabafo matinal...

Caramba :@
tomara que seja verdade que os grandes gênios nunca conseguem terminar nada que começam, pq eu não aguento mais ser assim >.<
Putz grila.. é sempre assim... Gabriela começa a fazer aulas de biscuit, aprende tudo, se diverte, compra todos os apetrexos pra criar, vende algumas criações e morga ¬¬ Gabriela começa a fazer bijouterias, aprende um monte de coisas, compra todo o material, faz alguns presentes pra família e morga dnv ¬¬ Gabriela começa a catucar o macromédia flash, aprende que só, compra um livro, aprende mais ainda, começa a criar um site, coloca ele no ar pela metade e... adivinha? Morga!! é tudo assim, começa e morga, começa e morga... e o pior é que não tem como eu evita, nãooo! só dá pra fazer uma coisa quando eu tou super empolgada, mas aí eu descubro uma coisa mais legal e pronto! lascou tudo ¬¬

Minha esperança é que o que falam sobre Leonardo Da Vinci seja verdade... ¬¬

quem sabe um dia num tem um MiniCute meu nos museus do mundo? =X


=*****

Planos para 2008, por Gabriela Barros

Em 2008 eu vou...
  1. Cuidar do meu cabelo
  2. Cuidar da minha pele
  3. Sair mais com meu namorado (Pêtoo (L))
  4. Sair mais pra dançar com minhas amigas (Y)
  5. Arranjar um estágio
  6. Criar produtos MiniCuties de boa qualidade ( http://www.minicuties.vai.la )
  7. Viajar!
  8. Estudar
  9. Fazer aulas de francês
  10. Malhar pelo menos 2 vezes por semana
  11. Praticar inglês
  12. Manter o site MiniCuties atualizado
  13. Aprender a usar o photoshop, o corel e o illustrator
  14. Dirigir mais
  15. Tomar menos refrigerante
  16. Tentar não começar as coisas e parar no meio
  17. Cumprir tudo o que prometi


Quem sabe postando na internet eu não tomo vergonha na cara e cumpro tudo... ¬¬

sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Piloto

E aê, galera! Esse é o post piloto do Barra de Cereais, o blog que, assim como as barrinhas, é gostoso, light e fácil de ser consumido. Aqui será postado tudo! Desde um filme muito legal que eu vi no cinema, até minhas perspectivas pra 2008, passando por redações legais e até um pouquinho de diário pessoal. Seja bem vindo e escolha o sabor que mais gostar, o Barra de Cereais vai estar sempre por aqui, para todas as horas!

beijo!

=*